Perdoar o pensamento...

Dificilmente me conseguirei perdoar,
Depois de destruir parte de mim…

Assim como quem, através de um sopro,
Destrói o seu próprio castelo de cartas.
Num acto inconsciente e impensado
Coloca uma bala na cabeça ou um punhal no coração.

É como se me tivessem arrancado dos braços
A coisa mais preciosa que eu tinha…
E eu tivesse consentido tal acto.
Não me consigo perdoar, nunca conseguirei.

Não me perdoarei pelo sofrimento provocado,
Pelo coração destroçado,
Pelas lágrimas causadas…

Viverei com esta cicatriz na minha alma
De te ter trazido para o mundo da dor
Castigar-me-ei pelo ter feito
E nada me tira esta angústia que carrego no peito.

E este pensamento que me atraiçoa
Que me ilude e me leva por caminhos errados
Este pensamento que devia ser unicamente sentimento
Aquele sentimento que tenho por ti, Amor.

Foto: Dor de Pensar de Isabel S.
4 Responses
  1. Renata disse:
    Adorei seu blog.Textos muito originais e sentimentais.E esse então...perfeito!


  2. Obrigado pela visita e pelo comentário, fico contente que tenha gostado do blog. :)


  3. ☆Anjo☆ Says:

    Oi Sandro... blog maravilhoso, lindos poemas!!!!
    Estarei sempre por aqui prestigiando suas belas palavras... Seguindo!
    Ótimo domingo pra ti... Abraço!
    Meu blog:diarios-do-anjo.blogspot.com
    bye bye


  4. NOSSA ESTE BLOG É LINDO ADOREI PARABÉNS