Um instante para relembrar

Dá-me um instante para te poder admirar
Um pequeno segundo para te beijar.
Dá-me um momento para enganar a saudade
Todo o tempo para te amar de verdade.

Uma só vida não chega para te mostrar o meu amor
Nem um universo contém o que significas para mim
Até sonhar já não é igual se não for contigo
E voar não quero se não for a teu lado.

Podia eu escrever coisas bonitas
Ou talvez inventar palavras amorosas para te dizer
A verdade é que já gastei tudo o que tinha
E tu continuas a merecer muito mais.

Escrever uma letra encantadora
E fazê-la acompanhar de uma música harmoniosa
A verdade é que cantar não é uma habilidade minha
E não existe canção que encante o verdadeiro Encanto.

Nada do que faça ou sonhe fazer
Representa o que sinto na verdade
E podia ter desistido, podia…
Mas também não o queria lamentar.

Foto: White and Black Kiss de Daniel Pedrogam
4 Responses
  1. Olá Sandro
    Uma bela declaração de amor.
    Abraço


  2. gostei da junção das palavras com a imagem...

    bjs



  3. Curiosa Says:

    Sandro,
    belo blog.
    realmente as horas são mortas como vc fala no seu cabeçalho ... e o que as aviva é somente o amor ... bela imagem poética ...
    abraço - e um ótimo 2011.